Premium O que virá primeiro: Brexit ou eleições antecipadas?

A União Europeia adiou para sexta-feira uma tomada de posição sobre o pedido de extensão do Brexit, tendo Boris Johnson ameaçado com novas eleições se tal acontecer. O problema é que precisa do apoio do Labour para ir a votos e Corbyn, primeiro, quer evitar uma saída sem acordo a 31 de outubro.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, insiste que o Reino Unido vai sair da União Europeia a 31 de outubro, apesar de ter sido obrigado a pedir à União Europeia um adiamento do Brexit até 31 de janeiro de 2020 (ainda está à espera da resposta de Bruxelas) e de os deputados terem votado contra o calendário de aprovação da lei que permitirá aplicar o acordo que negociou com os restantes 27. Com o Brexit neste "limbo", crescem rumores de que o próximo passo são eleições antecipadas.

Johnson, que enviou a carta a pedir o adiamento seguida de uma outra a dizer porque não concordava com essa iniciativa, mantém a insistência de que poderá sair a 31 de outubro. Segundo o seu porta-voz, o primeiro-ministro terá reiterado essa mensagem tanto à chanceler alemã, Angela Merkel, como a Tusk, alegando que "não devíamos atrasar" o Brexit.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.