Aconteceu em 1947 - Campeões do Mundo de "Oquei em Patins"

Jogava-se o III Campeonato do Mundo, o XIII da Europa de Hóquei em Patins, ou "Oquei em Patins" se respeitarmos a grafia de 24 de maio de 1947.

Três golos sem resposta a Inglaterra, numa altura em que o título até já estava garantido, mas que assegurou o mais "convincente" dos desfechos para a competição. Bélgica e Espanha, depois de respetivamente derrotarem Suíça e Itália, fecharam o pódio da prova que no seu dia decisivo contou com a presença de membros dos governos de todas as nações envolvidas.

À época, só dois países tinham conquistado o maior dos títulos da modalidade, precisamente Portugal e Inglaterra com a vantagem nos confrontos diretos a estar do lado dos ingleses que nesse dia somaram a sua primeira derrota frente à equipa nacional num jogo "de qualidade superior", dizia o DN.

Do lado de Portugal, em campo estava uma das maiores figuras da história do desporto nacional, o sportinguista António Jesus Correia, hoquista profissional, mas também membro da mais famosa das equipas do clube. Campeão do Mundo de Hóquei em Patins, mas também um dos Cinco Violinos, os que venceram sete campeonatos nacionais e três Taças de Portugal.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Margarida Balseiro Lopes

Legalização do lobbying

No dia 7 de junho foi aprovada, na Assembleia da República, a legalização do lobbying. Esta regulamentação possibilitará a participação dos cidadãos e das empresas nos processos de formação das decisões públicas, algo fundamental num Estado de direito democrático. Além dos efeitos práticos que terá o controlo desta atividade, a aprovação desta lei traz uma mensagem muito importante para a sociedade: a de que também a classe política está empenhada em aumentar a transparência e em restaurar a confiança dos cidadãos no poder político.