Crime no metro, Aristides e desconto nos combustíveis: 7 dias num minuto

Sete dias para ler num minuto...ou pouco mais.

SÁBADO

Motards nas ruas contra inspeções obrigatórias

"Segurança sim, negócio não" ou "Já chega, não nos roubem mais" foram algumas das palavras de ordem quando milhares de motociclistas se concentraram nas ruas de várias cidades portuguesas. O alvo do seu descontentamento? A imposição de inspeções nos motociclos com cilindrada superior a 125 cc, a partir de janeiro de 2022. "Esta medida vem encapotada sob o falso argumento da segurança. O objetivo é impor-nos mais uma taxa", diz Paulo Ribeiro, do Grupo de Ação Motociclista. Na origem da questão está uma diretiva europeia de 2014 cujo prazo de transposição para a legislação nacional acaba no final de 2021. Ora a organização pode garantir que só 0,3% dos acidentes têm como causa principal o veículo, mas valerá a pena arriscar a segurança?

DOMINGO

Cabo Verde escolhe José Maria Neves... e a alternância

"Conto trabalhar com o governo, com a lealdade necessária, para juntos enfrentarmos os desafios que se colocam", disse José Maria Neves após vencer, à primeira volta, as presidenciais em Cabo Verde. O candidato do PAICV derrotou seis rivais, o principal dos quais o também ex-primeiro-ministro Carlos Veiga, do MpD. Este é o partido do atual chefe do governo, Ulisses Correia e Silva, com quem Neves vai ter de lidar. Ora se nos últimos anos Cabo Verde habituou o mundo a uma alternância democrática no poder, infelizmente pouco comum em África, o pequeno arquipélago também já não estranha esta convivência entre PR e PM de cores políticas diferentes. Bom exemplo.

SEGUNDA

Moedas toma posse em Lisboa com PSD em peso presente

Depois da vitória-surpresa a 26 de setembro, Carlos Moedas tomou agora posse como presidente da Câmara de Lisboa. Numa cerimónia em que o ex-eurodeputado juntou na Praça do Município as mais variadas alas do PSD - do atual líder Rui Rio, a ex-primeiros-ministros como Passos Coelho, Santana Lopes (agora ex-PSD) ou Pinto Balsemão -, Moedas exigiu "respeito" pela legitimidade do seu mandato. Um recado à oposição de um autarca que sabe precisar desta para governar a câmara da capital. Quanto a promessas, além de revisitar algumas das duas bandeiras de campanha, Moedas prometeu uma redução de impostos municipais "progressiva e regular" até tornar Lisboa numa "cidade fiscalmente amigável".

TERÇA

Aristides no Panteão: tão importante hoje como há 80 anos

"Portugal, curvando-se perante a sua personalidade moral, eternamente grato, hoje e para sempre o recorda e homenageia". Foi com estas palavras que Marcelo Rebelo de Sousa prestou homenagem a Aristides de Sousa Mendes na cerimónia de concessão de honras de Panteão ao antigo cônsul em Bordéus, que salvou milhares de judeus e outros refugiados do regime nazi durante a Segunda Guerra Mundial. Um dos quatro portugueses "Justos entre as Nações" o exemplo de Aristides é hoje, 67 anos após a sua morte, tão importante como há 80 anos, perante o "aumento evidente de fenómenos de antissemitismo, de ódio racial, homofobia, recusa do outro, por ser estrangeiro ou diferente".

QUARTA

O susto de um crime no metro em plena hora de almoço

Eram 13h17 quando um jovem de 19 anos foi agredido com arma branca na estação de metro das Laranjeiras. O crime, à luz do dia, à hora de almoço, quando pelo local passam centenas de pessoas, não deixa de chocar. Os suspeitos puseram-se em fuga, acabando por ser detidos no dia seguinte. A PJ falou em "quezílias entre pessoas que se conheciam", afirmando que o crime, "potenciado pelas redes sociais", podia ter ocorrido ali ou "na via pública." TVI e Correio da Manhã avançaram que os suspeitos, que residem no bairro do Casal da Mira, e a vítima, da Cova da Moura, pertenciam a grupos rivais, mas a verdade é que um crime violento em pleno dia e numa zona de passagem não pode deixar de preocupar quem vive em Lisboa.

QUINTA

Dune: colosso que não respira ou obra-prima? O melhor é ver

Primeiro, ainda não vi Dune, o imponente filme de Denis Villeneuve. Segundo, tenciono ver Dune. Porquê? Talvez por se tratar de uma das estreias mais aguardadas do ano. Ou talvez por as críticas publicadas na imprensa nacional e internacional oscilarem entre os que viram na superprodução, adaptação do romance de Frank Herbert, uma obra-prima e os que a consideram "um colosso que não respira". Mas com cenários de tirar o fôlego, um elenco com estrelas da nova geração como Timothée Chalamet ou Zendaya, além do sempre irresistível Oscar Isaac, não há crítica que nos valha. O melhor é mesmo ir ver.

SEXTA

Combustíveis com desconto temporário de 10 cêntimos

Preços congelados, redução de impostos, subsídios e ajudas ao setor são, perante a subida dos preços da energia, medidas adotadas pelos governos europeus para reduzir o impacto sobre o poder de compra e a fatura dos consumidores. Em Portugal, o governo anunciou que vai aplicar um desconto temporário de 10 cêntimos por litro, até 50 litros por mês, no preço dos combustíveis para as famílias. A medida entra em vigor em novembro e fica até março de 2022, sendo realizada através de uma transferência para a conta bancária das famílias, através da plataforma IVAucher.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG