Premium De Harris a Abrams, passando por Warren. As mulheres na lista de Biden

O favorito à nomeação democrata para as presidenciais prometeu escolher para vice uma mulher para o ajudar a derrotar Trump.

Há um ano, com a corrida ainda com duas dezenas de candidatos, eram seis as mulheres na disputa pela nomeação democrata para as presidenciais de 3 de novembro. Elizabeth Warren, Kamala Harris, Kirsten Gillibrand, Amy Klobuchar, Tulsi Gabbard e Marianne Williamson. E se algumas, como Williamson, ativista, escritora e professora de psicoterapia espiritual, poucas hipóteses tinham, outras como a experientíssima senadora Warren ou Kamala Harris, outra senadora, muitas vezes comparada a Barack Obama, estavam na lista dos favoritos a defrontar Donald Trump. Os longos meses de campanha fizeram as primeiras desistir, as primárias foram afastando outras e Tulsi Gabbard foi a última a sair da campanha, já nesta semana, deixando a nomeação democrata reduzida a uma disputa entre dois homens, brancos e ambos bem perto dos 80 anos: Joe Biden e Bernie Sanders.

Talvez por isso, o ex-vice-presidente tenha garantido no último debate que pretende escolher uma mulher para vice-presidente. E se o senador Sanders recusou ser tão taxativo, também não afastou a ideia. Aqui ficam alguns dos nomes de que se falam para vice - sobretudo de Biden. Afinal é ele o grande favorito à nomeação. E parece decidido a fazer história. Até hoje só duas mulheres foram candidatas à vice-presidência dos EUA: a democrata Geraldine Ferraro, em 1984, e a republicana Sarah Palin, em 2008. Mas nem a escolhida por Walter Mondale nem a de John McCain conseguiram chegar à Casa Branca.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG