Premium Ocidente exige inquérito à China sobre a origem da pandemia

Donald Trump acusou Pequim e a OMS pela demora em dar informação sobre novo coronavírus. Outros líderes juntaram-se nos últimos dias.

A Austrália está a explorar a possibilidade de a Organização Mundial de Saúde , através do secretário-geral António Guterres, nomear um investigador independente sobre a resposta mundial à pandemia, e em particular à resposta inicial da China, onde o vírus eclodiu, e da Organização Mundial de Saúde (OMS), agência da Nações Unidas.

O presidente dos Estados Unidos anunciou na semana passada a suspensão do financiamento da OMS depois de ter acusado a organização de ter reagido tarde demais face à epidemia e que se limitou a reproduzir as informações prestadas por Pequim. Trump recebeu uma chuva de críticas pela decisão de deixar a agência sem financiamento. Os EUA são o maior patrocinador da OMS, com mais de 500 milhões de euros no biénio 2018-2019.

Ler mais

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG