Exclusivo Aconteceu em 1951 - As 24 horas de Eisenhower em Lisboa

Comandante supremo das Forças Aliadas na Europa visitava a capital portuguesa para sondar os governantes sobre a sua posição acerca do Pacto do Atlântico.

"Ao aludir à natureza da missão histórica que o trouxe a Portugal, o general Eisenhower declarou que pretendia averiguar se todos os países pertencentes ao Pacto do Atlântico Norte estão dispostos a defender a continuidade da Liberdade, do Progresso e da Civilização", escrevia o DN na edição de 18 de janeiro de 1951, onde a visita daquele que viria a ser presidente dos Estados Unidos ocupava grande parte da primeira página. A visita não durou mais do que 24 horas, mas correu bem. "Foi o dia mais feliz da minha visita à Europa. Tudo perfeito!", garantiu.

O então comandante supremo das Forças Aliadas na Europa veio até à capital portuguesa para sondar os governantes sobre a sua posição acerca da NATO e, mesmo em poucas horas, conseguiu passear por Lisboa "dispensando quaisquer honras ou escoltas especiais". Passou pela Avenida da Liberdade, pelo Rossio, por Alvalade, pelo Castelo de São Jorge.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG