Premium  Luisão, o capitão com múltiplas funções aos 37 anos

O brasileiro poderá tornar-se em janeiro o terceiro jogador mais velho a jogar pelo Benfica (excluindo guarda-redes). O segredo da longevidade vai além do rendimento no campo.

"A paixão é a melhor resposta que posso dar sobre a minha longevidade. A idade não importa se nós gerirmos bem a carreira. A minha sorte é que sempre tive uma vida tranquila e profissional." A explicação foi dada por Francesco Totti, antiga estrela da Roma, quando questionado sobre o facto de ter jogado ao mais alto nível, no seu clube de sempre, até aos 40 anos. Esta ideia podia ser transmitida por Luisão, capitão do Benfica que aos 37 anos está a iniciar a sua 16.ª época de águia ao peito, depois de renovar o seu contrato por mais uma época.

Um dos jogadores que conhece bem Luisão é Artur Moraes, guarda-redes do Desportivo das Aves que partilhou o balneário com o seu compatriota entre 2011 e 2015, e não tem dúvidas em dizer que "a idade é irrelevante" no futebol, pois considera que "não ter lesões graves, como é o caso, e estar bem tecnicamente" permite que a carreira se prolongue além da idade normal de um futebolista, até porque, justifica, "os jogadores mais velhos valem-se da experiência para ter menor desgaste físico e emocional" nos jogos. Além disso, considera que "o empenho nos treinos é maior" e no caso do Luisão "a força mental é muito grande".

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG