Matteo Salvini no Parlamento italiano a 28 de março.
Premium

União Europeia

Quantos populistas cabem na nova aliança de Salvini?

Matteo Salvini vai tentar forjar nesta segunda-feira uma aliança de nacionalistas e eurocéticos com vista às eleições para o Parlamento Europeu. Conta com a AfD alemã, o Partido dos Finlandeses e o Partido Popular Dinamarquês. Para já.

Matteo Salvini vai nesta segunda-feira tentar forjar uma aliança de nacionalistas e eurocéticos com vista às eleições para o Parlamento Europeu. O vice-primeiro-ministro, ministro do Interior de Itália e líder do partido Liga vai lançar o seu "manifesto soberanista" no luxuoso hotel Gallia em Milão.

O evento de congregação de formações populistas, nacionalistas e de extrema-direita conta, para já, com a presença do Partido dos Finlandeses, do Partido Popular Dinamarquês e da alemã Alternativa para a Alemanha (AfD). A líder da União Nacional francesa, Marine Le Pen, fez saber que não estará presente, por estar em campanha na Bretanha. Mas já tinha anunciado que tenciona ir ao comício de final de campanha da Liga, a 18 de maio, também em Milão.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Liderança

Jill Ader: "As mulheres são mais propensas a minimizarem-se"

Jill Ader é a nova chairwoman da Egon Zehnder, a primeira mulher no cargo e a única numa grande empresa de busca de talentos e recursos. Tem, por isso, um ponto de vista extraordinário sobre o mundo - líderes, negócios, política e mulheres. Esteve em Portugal para um evento da companhia. E mostrou-o.