Aconteceu em 1936 - Imperador da Etiópia dá entrevista ao DN em Genebra

Haile Selassie I estava na Suíça para falar do seu povo na Assembleia da Liga das Nações.

No dia 7 de julho de 1936, a primeira página do DN destacava a entrevista feita ao imperador da Etiópia, Haile Selassie I, pelo representante do jornal na Suíça.

O jornalista explicava que Haile Selassie I encontrava-se em Genebra para defender a causa do seu povo perante a Assembleia da Liga Nações, que o recebeu num dos salões do Hotel Carlton, na presença do chefe dos serviços de imprensa da sua delegação.

Na entrevista, o imperador referiu que a Etiópia gozava dos frutos da cultura portuguesa há quatro séculos, através da ação dos missionários, dos viajantes e dos comerciantes que lá chegaram.

Na primeira página, o jornal dava ainda destaque ao agravamento das relações entre o Reino Unido e a Alemanha. Anthony Eden, líder da Câmara dos Comuns, afirmava não estar disposto a pedir mais uma vez à Alemanha que lhes respondesse a um questionário enviado por aquela Câmara. O que levou a que se fixasse o dia 15 de julho como a data em que se iniciaria um programa de sanções à Alemanha.

Em Portugal, era anunciado que o governo tinha disponibilizado 696 contos de réis para obras públicas.

Exclusivos