Aconteceu em 1959 - Agitação comunista

DN noticiava acusação do diretor da PIDE aos comunistas pela "agitação" durante as eleições de 1958.

"Foram os comunistas que orientaram e dirigiram os movimentos de agitação durante as campanhas eleitorais - declarou à imprensa o diretor da PIDE, o capitão Neves Graça", escrevia o DN em título na sua primeira página de 5 de março de 1959. Referia-se às legislativas de 1957 mas sobretudo às presidenciais de 1958, em que o candidato oposicionista Humberto Delgado, um general oriundo das fileiras do regime, tinha ousado desafiar o almirante Américo Tomás, a escolha de Oliveira Salazar para a chefia do Estado.

Neves Graça falou demoradamente sobre a estratégia comunista contra os povos ainda não escravizados pelo "imperialismo soviético",

Devido a fraude maciça, Humberto Delgado acabou derrotado e teve de se exilar. Seria assassinado em 1965 pela PIDE, durante uma tentativa de reentrar em Portugal pela fronteira entre a Extremadura espanhola e o Alentejo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG