Premium Felipe VI, um rei isolado e sob ataque

Apesar de passar a viver fora do país, o impacto dos escândalos em torno de Juan Carlos atingem o filho, a favor de quem abdicou há seis anos.

Depois de semanas de pressão, o rei emérito Juan Carlos deixou Espanha no meio da investigação sobre as suas contas em paraísos fiscais, deixando para trás o filho, Felipe VI, que terá de enfrentar sozinho as críticas à monarquia.

Sempre se disse que os espanhóis não eram monárquicos, mas juancarlistas, agradecendo o papel que o anterior monarca teve durante a transição da ditadura para a democracia, mas diante dos escândalos, crescem as vozes - até dentro do próprio governo - contra o sistema.

Ler mais

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG