Premium Aconteceu em 1942 - Cavalo enfurecido destrói relojoaria

DN de 3 de novembro de 1942 noticiava destruição a coice de oficina de relojoaria em Cascais.

"Cavalo enfurecido desfaz a coices uma relojoaria", titulava o DN na sua primeira página de 3 de novembro de 1942 por entre notícias sobre a Segunda Guerra Mundial, o peditório nacional contra o cancro ou o racionamento de gasolina. O animal, pertencente à Quinta da Charneca, assustou-se em Cascais com o barulho de uma camioneta na Praça Costa Pinto, lançando-se em correria furiosa até entrar na oficina de relojoaria sita no n.º 11 do Largo de Luís de Camões. A coice destruiu o balcão e a bancada e, pelo meio, muitos relógios consertados ou por consertar. Prejuízo final: 12 contos.

Ler mais

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG