Trabalhadores dos supermercados anunciam greve antes do Natal

Ações de greve podem afetar quase todas as grandes cadeias de supermercados

Os trabalhadores dos "super" e hipermercados marcaram várias ações de protesto e emitiram um pré-aviso de greve para sábado e domingo, os dias antes do Natal, pela renegociação do contrato coletivo.

Em comunicado, o Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal (CESP) anuncia várias ações e piquetes de greve nos armazéns e nas lojas.

As ações podem afetar quase todas as grandes cadeias: greve a 22 na Jerónimo Martins e a 23 e 24 na Jerónimo Martins e Pingo Doce; greve a 23 e 24 no grupo Modelo e Continente.

Os trabalhadores exigem o aumento dos salários de todos os trabalhadores, a eliminação da tabela B (mais baixa e aplicada em todos os distritos à exceção de Lisboa, Porto e Setúbal) e progressão automática dos operadores de armazém até ao nível VIII (operador de armazém especializado).

Exclusivos