Tempos agrestes? Até 2021, há 39 mil milhões de euros do tempo de Sócrates para pagar

Moody"s reconhece bons resultados de Centeno, mas dívida é tão grande que "limita margem para suportar choques". Até final da legislatura, é preciso pagar 15,4 mil milhões em OT.

Nas últimas semanas, tem havido uma dramatização crescente sobre o que pode estar reservado para os contribuintes num futuro próximo. Portugal, um dos países mais endividados do mundo desenvolvido, está, claro na linha da frente caso haja algum "choque", como acena a Moody"s, ou se entre numa "conjuntura desfavorável", uma eventualidade já assumida pelo governo, através do ministro Mário Centeno.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos