Queixas contra CTT aumentaram e os lucros caíram

Reclamações mais do que duplicaram desde 2015. Resultados líquidos recuaram 28% no ano passado

"Desde 2015 [ano posterior à privatização] que as reclamações aos Correios que chegaram à Anacom aumentaram 133%". Só no ano passado as queixas subiram de 15 mil para cerca de 20 mil, disse João Cadete Matos, presidente da Anacom, no Parlamento, no mesmo dia em que os CTT apresentaram lucros de 19,6 milhões, uma descida de 28% face a 2017.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG