Preços da electricidade vão descer em 2022

Há uma redução para o mercado regulado e para o mercado liberalizado, por via de uma descida significativa nas tarifas de acesso que afetam os dois mercados

A electricidade vai ficar mais barata em 2022. De acordo com a proposta da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) para as tarifas a aplicar no próximo ano, a redução será de 3,4% em janeiro face a dezembro de 2021.

Esta descida de preço é aplicada aos 921 mil consumidores que estão no mercado regulado, ou seja, aqueles que têm conta na SU Eletricidade (antiga EDP Serviço Universal).

Para os consumidores do mercado livre também se prevê uma descida e, neste caso, mais significativa, por via de uma forte redução nas tarifas de acesso, que são uma das componentes que mais pesa no preço final da electricidade. "Esta redução das tarifas de acesso às redes contribui para uma diminuição de cerca de 35%, em termos médios, na fatura final dos consumidores do mercado liberalizado", pode ler-se no comunicado da ERSE.

O regulador informa ainda que a tarifa social terá um desconto de "33,8% sobre as tarifas de venda a clientes finais".

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG