OE2020. Conselho das Finanças Públicas com reserva sobre projeções de Centeno

A instituição manifesta dúvidas sobre o Otimismo das Finanças em relação ao crescimento das exportações em 2020.

O Conselho das Finanças Públicas tem reservas sobre as previsões apresentadas pelo Ministério das Finanças a Bruxelas. "O Conselho das Finanças Públicas endossa com reserva as estimativas e previsões apresentadas" lê-se no parecer que acompanha o esboço do Orçamento do Estado para 2020 entregue ontem a Comisso Europeia.

A Intituição liderada por Nazaré Cabral refere em concreto a "ausência de previsões macroeconómicas comparáveis produzidas por outras instituições dificulta a qualificação quanto à probabilidade " e "os elementos explicitados neste parecer relativamente ao comportamento das componentes da procura, em particular das exportações e das importações em 2020, não permitem considerar o cenário apresentado como prudente, dados os elevados riscos descendentes que insistem na previsão de aceleração da atividade económica em 2020, ou seja, os riscos externos.

O parecer emitido pelo CFP é enviado a Bruxelas em conjunto com os planos orçamentais do governo, cumprindo a regra de ter uma identidade independente a dar opinião sobre o cenário macroeconómico em que assentam as propostas de orçamento dos Estados-Membros.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG