OE2019: Taxa de proteção civil pode não sair do papel

Coligação entre PSD, CDS-PP e Bloco de Esquerda deve impedir entrar em vigor desta contribuição. Adicional sobre ISP também está em risco.

PSD, CDS-PP e Bloco de Esquerda preparam-se para votar contra a criação da taxa de proteção civil. Esta medida do Orçamento do Estado para 2019 deverá cair na votação na especialidade por causa da coligação negativa entre estes partidos. O mesmo destino poderá ter o adicional ao ISP, imposto sobre combustíveis, introduzido no Orçamento do Estado para 2016 pelo ministro das Finanças, Mário Centeno.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG