Se Estado ficar com ações vai vendê-las depois por um bom preço

Se Estado "ficar com as ações seguramente que é porque o banco vale e essas ações, mais tarde, poderão ser vendidas a bom preço"

O presidente do Novo Banco, António Ramalho, disse esta quarta-feira que se o Estado ficar com ações da instituição significa que "o banco vale" e que essas ações depois "poderão ser vendidas a bom preço".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG