Maior banco dos EUA deixa de emitir o cartão Visa da Associação de Armamento

A maior empresa bancária privada norte-americana anunciou que vai deixar de emitir cartões de crédito coma sigla da NRA, respondendo a uma exigência dos seus clientes, disse hoje o seu porta-voz.

O First National Bank of Omaha, com sede no Estado norte-americano do Nebraska, não renovará seu contrato para emitir o cartão Visa NRA do grupo, afirma o porta-voz Kevin Langin, num comunicado.

"A exigência dos clientes fez-nos rever a nossa relação com a NRA", disse Langin.

Langin recusou dizer quando é que o contrato com a NRA, o lobby das armas, expiraria e não explicou o tipo de exigências foram recebidas pelo banco.

O anúncio do fim de contrato com a associação surgiu depois do "site" de notícias ThinkProgress ter apontado o banco como uma empresa que apoia a NRA (National Rifle Association).

O Think Progress divulgou que o First National Bank ofereceu dois cartões à NRA, cada um com um crédito de 40 euros, e fez uma promoção, segundo a qual "reembolsava a assinatura de um ano de NRA!"

Hoje, no "site" do First National Bank of Omaha foi anunciado que colocava termo ao seu protocolo com a NRA e retirou a versão que promovia o cartão como "o cartão de crédito oficial da NRA", retirando também os benefícios da adesão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG