Tecnológica Intel vale tanto com o PIB de Portugal

Para provar que a tecnologia não é uma bolha, Goldman Sachs comparou as maiores empresas do setor ás economias de vários países

O risco de poder estar a formar-se uma "bolha" em torno dos gigantes tecnológicos, com grandes valorizações em bolsa no passado recente, está a deixar muitos analistas preocupados. Mas a consultora Goldman Sachs está convencida do contrário. E, para prová-lo, decidiu comparar o valor destas empresas com economias de países e até de continentes.

Neste frente a frente de Produtos Internos Brutos (PIB) versus capitalização bolsista, Portugal fica empatado com o gigante do hardware Intel. Já para suplantar a economia alemã são necessárias cinco das principais companhias da área: Facebook, Amazon, Apple, Microsoft e Alphapet (a empresa-mãe da Google).

O atual poder destas empresas torna-se mais evidente quando são comparadas com países subdesenvolvidos ou em vias de desenvolvimento. Assim, ilustra a Goldman Sachs, "Amazon, Apple e Microsoft têm um valor de mercado [conjunto] maior do que o PIB africano".

Ler mais

Exclusivos

Premium

DN Life

DN Life. «Não se trata o cancro ou as bactérias só com a mente. Eles estão a borrifar-se para o placebo»

O efeito placebo continua a gerar discussão entre a comunidade científica e médica. Um novo estudo sugere que há traços de personalidade mais suscetíveis de reagir com sucesso ao referido efeito. O reumatologista José António Pereira da Silva discorda da necessidade de definir personalidades favoráveis ao placebo e vai mais longe ao afirmar que "não há qualquer hipótese ética de usar o efeito placebo abertamente".