Marcha-atrás: Caixa vai pagar juros de todos os depósitos dos clientes

Banco público recua na decisão de não pagar juros de depósitos a prazo abaixo de um euro junto dos clientes, depois da posição do Banco de Portugal.

A Caixa Geral de Depósitos vai pagar os juros de todos os depósitos dos clientes, mesmo dos que receberem menos de um euro. A decisão foi anunciada esta quinta-feira, um dia depois de o Banco de Portugal se ter manifestado contra a política de banco de pagamento que o banco público pretendia executar a partir de 1 de agosto: não pagar os juros "sempre que o valor ilíquido dos juros calculados seja inferior a 1 euro". A CGD, ainda assim, vai manter os cortes nas taxas de juro dos depósitos.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Uma opinião sustentável

De um ponto de vista global e a nível histórico, poucos conceitos têm sido tão úteis e operativos como o do desenvolvimento sustentável. Trouxe-nos a noção do sistémico, no sentido em que cimentou a ideia de que as ações, individuais ou em grupo, têm reflexo no conjunto de todos. Semeou também a consciência do "sustentável" como algo capaz de suprir as necessidades do presente sem comprometer o futuro do planeta. Na sequência, surgiu também o pressuposto de que a diversidade cultural é tão importante como a biodiversidade e, hoje, a pobreza no mundo, a inclusão, a demografia e a migração entram na ordem do dia da discussão mundial.