Lusíadas junta-se a CUF e Luz Saúde na rutura com ADSE

O grupo privado de saúde diz que está a "a analisar opções para a cessação das atuais convenções existentes com a ADSE".

O Grupo Lusíadas Saúde diz que está "a analisar opções" para denunciar também as convenções assinadas com a ADSE, subsistema de saúde dos trabalhadores e aposentados da função pública que enfrenta já a ameaça de desvinculação dos acordo de convenção de preços por parte da José Mello Saúde (hospitais CUF) e Luz Saúde.

Num comunicado, citado por vários órgãos de imprensa, o Lusíadas diz que está a "a analisar opções para a cessação das atuais convenções existentes com a ADSE". O conselho de administração do grupo diz que estão em causa "as regras e procedimentos atualmente vigentes".

Leia o artigo completo no Dinheiro Vivo

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ferreira Fernandes

A Europa, da gasolina lusa ao palhaço ucraniano

Estamos assim, perdidos algures entre as urnas eleitorais e o comando da televisão. As urnas estão mortas e o nosso comando não é nenhum. Mas, ao menos, em advogado de Maserati que conduz sindicalistas podíamos não ver matéria de gente rija como cornos. Matéria perigosa, sim. Em Portugal como mais a leste. Segue o relato longínquo para vermos perto.Ontem, defrontaram-se os dois candidatos a presidir a Ucrânia. Não é assunto irrelevante apesar de vivermos no outro extremo da Europa. Afinal, num canto ainda mais a leste daquele país há uma guerra civil meio instigada pelos russos - e hoje sabemos, como não sabíamos ainda há pouco, que as guerras de anteontem podem voltar.