Governo propõe recuperar 70% do tempo de serviço das carreiras especiais

Para carreiras cuja progressão ocorre de três em três anos, o tempo reconhecido será inferior ao dos professores, caso o diploma avance.

Os funcionários públicos cuja progressão depende do tempo de serviço, como é o caso dos militares ou polícias, deverão ver reconhecidos 70% de um escalão no descongelamento de carreiras, sendo descontadas as promoções, segundo uma proposta do Governo.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos