Fuga de negócios da bolsa atinge máximo

Mais de metade das transações de valores mobiliários está a ser feita fora de Bolsa.

Cada vez há menos transações que passam pela Euronext Lisbon. A fuga aos negócios agudizou-se desde janeiro – menos de 47% dos negócios passaram pela Euronext. É um mínimo recorde, segundo dados da Fidessa, que agrega dados dos mercados.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos

Premium

adoção

Técnicos e juízes receiam ataques pelas suas decisões

É procurador no Tribunal de Cascais há 25 anos. Escolheu sempre a área de família e menores. Hoje ainda se choca com o facto de ser uma das áreas da sociedade em que não se investe muito, quer em meios quer em estratégia. Por isso, defende que ainda há situações em que o Estado deveria intervir, outras que deveriam mudar. Tudo pelo superior interesse da criança.