Foi a liquidez que matou o Banif, não o estatuto de contraparte

Governador do BdP diz que não foi a suspensão do estatuto de contraparte que matou o Banif, antes a falta de colateral para absorver fuga de depósitos

Carlos Costa, governador do Banco de Portugal, salientou aos deputados da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) ao Banif que a decisão de suspender o estatuto de contraparte ao Banif "não foi determinante na resolução" decretada no fim de semana de 19 e 20 de dezembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG