EuroBic "encerra" relações comerciais com entidades de Isabel dos Santos

Na sequência das informações reveladas pelo caso Luanda Leaks, o banco EuroBic informou em comunicado, esta segunda-feira, que decidiu "encerrar a relação comercial com entidades controladas pelo universo da acionista Eng.ª Isabel dos Santos e pessoas estreitamente relacionadas com a mesma."

O banco refere que tomou esta decisão "na sequência dos eventos mediáticos suscitados pela divulgação de informações reservadas relativas à Eng.ª Isabel dos Santos - apresentadas internacionalmente como Luanda Leaks - e a perceção pública de que este Banco possa não cumprir integralmente as suas obrigações pelo facto de a Eng.ª Isabel dos Santos ser um dos seus acionistas de referência."

A administração esclarece ainda que "os pagamentos ordenados pela cliente Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) à Matter Business Solutions respeitaram os procedimentos legais e regulamentares formalmente aplicáveis no âmbito da regular relação comercial existente entre este Banco e a Sonangol, designadamente os que se referem à prevenção do branqueamento de capitais."

Na tarde desta segunda-feira, a Sic adiantou que o Banco de Portugal criou um gabinete de crise para avaliar a situação do banco, detido em 42,5% por Isabel dos Santos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG