Envelhecimento fará disparar seguros de vida e de saúde, prevê o FMI

Procura de produtos de poupança de retorno garantido, de longo prazo, oferecidos por seguradoras vai enfraquecer, estima o Fundo Monetário Internacional.

O ambiente muito prolongado de baixo crescimento e baixas taxas de juro nas chamadas economias avançadas, onde Portugal e a zona euro se incluem, deverá ter moldar de forma permanente o sector financeiro (banco e seguros) com hoje o conhecemos, diz o Fundo Monetário Internacional (FMI), num dos capítulos analíticos do Relatório sobre a Estabilidade Financeira Global, divulgado nesta quinta-feira.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG