Encomendas com atraso fazem subir queixas contra CTT

Só num mês reclamações dispararam 34%. Correios admitem "constrangimentos" pelo aumento do tráfego

Desde abril que 90% das compras que Vítor Sousa faz em sites chineses não lhe chegam a casa e aponta o dedo aos CTT. É uma das 3632 reclamações recebidas pelo Portal da Queixa desde o início do ano e que tornam os Correios no "campeão" das reclamações no portal do consumidor. Só num mês, de 17 junho a 17 julho, deram entrada 936 queixas, uma subida de 34% face às 699 de há um ano. Os CTT admitem "constrangimentos" com a entrega de encomendas, bem como um eventual impacto "na dimensão e estabilidade das equipas" com o período de férias.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG