Empresas que ficaram com ativos tóxicos do BPN devem 2500 milhões ao Estado

As empresas que ficaram com os ativos 'tóxicos' do BPN deviam quase 2.500 milhões de euros ao Estado no final de 2015

As empresas que ficaram com os ativos "tóxicos" do BPN deviam quase 2.500 milhões de euros ao Estado no final de 2015, o valor acumulado de empréstimos pedidos à Direção Geral de Tesouro e Finanças (DGTF) para conseguirem funcionar.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG