Economia portuguesa é das mais atrasadas da Europa a recuperar da pandemia

Portugal liderou crescimento no primeiro trimestre e foi o segundo melhor no segundo trimestre, mostra o Eurostat. Mas não chega para sarar os danos da pandemia. E a guerra veio complicar as contas.

O crescimento fulgurante dos primeiros trimestres deste ano não chega para que Portugal se destaque a nível europeu na recuperação face aos efeitos da pandemia.

De acordo com cálculos do Dinheiro Vivo (DV) com base nos indicadores do produto interno bruto (PIB) real (a preços constantes), ontem divulgados pelo Eurostat, o país regista, no segundo trimestre deste ano, o quinto pior desempenho da Europa face ao final de 2019, isto quando já estão apuradas taxas de crescimento de 21 dos 27 países da União Europeia (UE).

Para saber mais clique aqui: https://www.dinheirovivo.pt

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG