Despesa total aumenta 5,8% em ciência, tecnologia e ensino superior

Segundo o Orçamento trata-se de um aumento da despesa de 131,8 milhões de euros em relação ao orçamento ajustado de 2016

A despesa total consolidada para ciência, tecnologia e ensino superior prevista para 2017 é de 2.385,8 milhões de euros, mais 5,8% face a 2016, revela o relatório da proposta de Orçamento do Estado.

De acordo com o documento, entregue esta sexta-feira na Assembleia da República, a despesa total consolidada para os setores da ciência, tecnologia e do ensino superior "atinge no orçamento ajustado" de 2017 "o montante de 2.385,8 milhões de euros".

Segundo o relatório, trata-se de um aumento da despesa de 131,8 milhões de euros em relação ao orçamento ajustado de 2016.

A despesa total inclui todos os gastos que tenham expressão orçamental, incluindo transações com ativos e passivos financeiros (despesa não efetiva) e transações relacionadas com a aquisição de bens e serviços, juros, subsídios, prestações sociais, remunerações e investimentos (despesa efetiva).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG