CTT propõe aumentos até 0,4%. CEO recupera 25% do salário

Correios querem descongelar vertente variável da remuneração. Negociações com sindicatos arrancam este mês

Os CTT começam este mês a negociar com os sindicatos os aumentos salariais para mais de 12 mil trabalhadores. À proposta de aumentos entre 3% e 4% dos sindicatos, os Correios respondem com um valor entre 0,3% a 0,4% e o descongelamento da vertente variável do salário. Este ano o CEO, Francisco Lacerda, e os membros executivos e não executivos do conselho de administração veem reposto o corte de 25% e 15%, respetivamente, realizado em 2018 no âmbito do plano de transformação dos CTT. O corte estava apenas previsto para 2018.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG