Confederação do Imobiliário critica "instabilidade fiscal" devido ao IMI

A Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário criticou a "instabilidade fiscal" existente no setor imobiliário

A Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário (CPCI) criticou hoje a "instabilidade fiscal" existente no setor imobiliário, questionando a intenção de se alterar as atuais regras de avaliação dos imóveis, em sede do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG