Comissão de Proteção de Dados não foi notificada sobre ataque à Uber

O ataque, que foi noticiado ontem pelo próprio CEO da Uber, resultou no roubo de dados pessoais de 50 milhões de passageiros

O roubo de dados que a Uber sofreu no ano passado, mas que só foi revelado esta quarta-feira, não terá abrangido os utilizadores e motoristas portugueses.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos