Centeno. Reforma da supervisão não tira responsabilidade ao Banco de Portugal

A reforma retira a gestão da resolução de bancos do Banco de Portugal, criando uma Autoridade de Resolução autónoma.

O ministro das Finanças considerou hoje, em conferência de imprensa após o Conselho de Ministros, que na proposta do Governo de reforma da supervisão financeira não há redução das responsabilidades do Banco de Portugal, mas uma partilha.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG