Bitcoins? "Posso dizer, quase com certeza, que não vão acabar bem"

'Evangelho do dinheiro' mantém uma das suas principais regras no que toca aos investimentos que escolhe: não apostar naquilo que não conhece.

A "febre" parece já ter passado, mas o entusiasmo não. Mesmo depois das correções avaliativas à Bitcoin, a criptomoeda que "explodiu" no ano passado e desbravou caminho no universo das moedas digitais e que chegou a valer quase 20 mil dólares, começam a haver cada vez mais práticas empresariais a envolvê-la, desde restaurantes que já aceitam pagamentos em bitcoins ou empresas que já dão a opção de pagar salários aos trabalhadores, também eles em moedas virtuais.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG