Autoridade da Concorrência vê riscos na reforma da supervisão financeira

A AdC não poupa críticas ao documento, começando por sublinhar que a autoridade não foi consultada durante a preparação da proposta de lei.

A Autoridade da Concorrência (AdC) considera que a proposta sobre a reforma da supervisão financeira coloca em risco a autonomia financeira e a independência funcional e técnica do regulador, introduzindo ainda incerteza jurídica quanto aos poderes da AdC.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG