ASF reitera que não lhe cabe avaliar idoneidade de Tomás Correia

O regulador insiste que não tem competências legais para avaliar idoneidade do presidente da Associação Mutualista Montepio Geral.

A ASF-Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões nega que tenha competências legais para avaliar a idoneidade ou a qualificação de gestores em mutualistas, incluindo António Tomás Correia, presidente da Associação Mutualista Montepio Geral.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG