Alimentação correta pouparia 500 milhões de euros a Portugal

O maior peso dos custos da obesidade tem uma origem nos tratamentos e na prestação de cuidados de saúde, segundo economista Álvaro Almeida.

Estima-se que a obesidade custe 500 milhões de euros por ano em Portugal, um valor que pode duplicar, de acordo com Álvaro Almeida, professor associado da Faculdade de Economia do Porto. “Trata-se de uma doença onde a carga nutricional tem um efeito mais importante”, motivo que levou o também consultor a analisar o potencial de retorno económico associado à nutrição.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG