ACT dá por provado assédio e várias violações laborais na PT

ACT encontrou violações suficientes para mais de cem autos à Meo, tendo ainda avançado com participação crime contra a empresa

A Meo, detida pela francesa Altice, tem violado repetidamente a legislação laboral, tanto que acumulou 124 autos de notícia da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) em sete meses. A maioria dos casos visa violações do "dever de ocupação efetiva" e mais de uma dezena por assédio. A soma de todas as infrações impõe à PT, dona da Meo, o pagamento de 1,6 milhões a 4,8 milhões em coimas.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos