Willian conta como foi batizado numa banheira na Ucrânia

Jogador do Chelsea vai à igreja duas vezes por semana e diz que isso o ajuda a "encontrar o equilíbrio".

Willian joga na seleção do Brasil e no Chelsea e é um homem de fé. "Muitas pessoas acham que ser jogador é ganhar dinheiro, fazer festa, balada, mulherada, enfim... Para mim, Deus está em primeiro lugar, sobre todas as coisas", disse o jogador brasileiro à revista The Players Tribune.

Cresceu a frequentar a Igreja Católica, mas passou a entender mais sobre a Bíblia quando jogava na Ucrânia e convivia com Fernandinho e Jadson:"Foi aí que eu aceitei Jesus Cristo como o único Salvador e quis me batizar. Eu e minha esposa fomos batizados na banheira de uma casa na Ucrânia."

Willian explicou ainda como a "relação com Deus" o ajuda na sua vida de jogador. "Nós sabemos que, no futebol, um dia és o melhor jogador e no outro, se jogares mal, não vales nada. Então a fé ajuda-me a ter esse equilíbrio, saber que os elogios não vão subir à cabeça e as críticas também não me vão jogar para baixo", confessou, lembrando que o "equilíbrio na vida de todo ser humano é o mais importante".

E é esse equilíbrio que ele procura na religião, sem perder a liberdade de escolha: "Ser cristão significa viver em liberdade. Posso ir para a balada? Posso. Convém-me ir para a balada? Não. Ninguém é preso, todo mundo é livre. Mas o importante é ter esse discernimento de saber o que é certo ou errado, onde pode ir ou não pode."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG