Benfica vence dérbi no pavilhão João Rocha

Encarnados ganharam ao Sporting na 'negra' de um jogo emotivo

O Benfica isolou-se na liderança do Nacional de voleibol após vencer o dérbi contra o Sporting, em casa do rival, por 3-2, com os parciais de 25-22, 22-25, 27-25, 23-25 e 10-15 favoráveis à equipa da Luz.

Num jogo emotivo e com algumas polémicas de arbitragem - como a da expulsão do benfiquista Nuno Pinheiro no final do terceiro set, que deu a vitória no parcial aos leões - o Benfica voltou a levar a melhor sobre o rival, como já acontecera na Supertaça.

"Foi um jogo duro e ganhámos. Já estou a entender um pouco a rivalidade (com o Sporting), mas ainda não totalmente. É um jogo. A equipa deles é competitiva, mas nós também somos", comentou, no final, o técnico do Benfica, o brasileiro Marcel Matz, que esta época rendeu o histórico José Jardim. "Estudámos muito o adversário e tínhamos um plano de jogo bem definido. O nosso sistema defensivo funcionou melhor do que o deles", acrescentou.

Já Hugo Silva, treinador do Sporting, disse que o que faltou aos leões foi "não perder o segundo 'set'. "Não podemos perder um 'set' a ganhar por cinco pontos. Poderíamos ter feito um 3-0 no jogo. Não posso estar contente com a derrota, mas estou contente com a resposta da equipa, sobretudo naquele 'set' a perder por 10 pontos e que conseguimos fazer o 2-1", explicou.

"Realço a atitude e já se vê ligação entre os jogadores, algo que não se via no início. Se alguém tem margem para evoluir somos nós", apontou o técnico dos campeões nacionais, para quem "nenhuma das equipas se pode queixar da arbitragem, porque foi intranquila para os dois lados. Houve erros de parte a parte."

O Benfica lidera com 11 pontos, enquanto o sporting é segundo, com 10.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG