V. Setúbal salva-se. Chaves vai discutir permanência a Tondela

O Tondela - Chaves da próxima semana é a final que decidirá a última vaga na I Liga 2019/20, depois do V. Setúbal ter ganho em Trás-os-Montes, por 1-2

Com os erros dos outros pode o V. Setúbal bem. E o Desportivo de Chaves cometeu dois de palmatória nos primeiros 15 minutos que acabaram por sentenciar o jogo decisivo para as contas da permanência. Os sadinos aproveitaram ambos, sofreram muito após o empate dos anfitriões (66', penálti) e saem de Trás-os-Montes aliviados.

Este resultado remete a discussão pela permanência para o Tondela - Chaves dentro de uma semana. Uma delas junta-se Feirense e, tudo indica, a Nacional (que ainda tem hipóteses de se salvar: tem de bater este domingo o FC Porto e ganhar para a semana no Jamor, frente ao Belenenses). Certos na I Liga 2019/20 estão os promovidos Paços de Ferreira, Famalicão e Gil Vicente (decisão administrativa decorrente do "caso Mateus", que remonta a 2005/06.

Com mais de sete mil espetadores nas bancadas, os golpes no ânimo dos flavienses foram rápidos e sucessivos. Aos 9', Maras falhou o corte, após um passe de Ruben Micael, e Allef não perdoou. 0-1. Nove minutos depois (15'), António Filipe saiu em falso da baliza e Mendy, com aquela escancarada, cabeceou para o golo. 0-2 e 75 minutos pela frente.

A equipa de José Mota demorou a reagir, só o conseguindo, na verdade, após o intervalo. Aos 65', Sílvio puxou a camisola a Platiny e Soares Dias assinalou penálti (confirmado pelo VAR). Bruno Gallo devolveu a esperança. Até porque nos últimos cinco minutos Soares Dias apontou novamente para a marca de penálti. Mas uns minutos de diálogo com o VAR e o visionamento das imagens levou o árbitro a reverter a decisão. Luther Sing viu amarelo por simulação.

Dependendo do que fizer o Nacional frente ao FC Porto (e só se vencer), para a semana deveremos ter uma final pela permanência, no Tondela - Chaves. Os transmontanos têm a vantagem de só precisar de evitar a derrota, os beirões têm de vencer para fugir à descida. Se o Nacional bater os campeões nacionais e ganhar para a semana na visita ao Belenenses, o caso muda de figura: um empate no Tondela - Chaves despromove as duas equipas.

Certo é a permanência do V. Setúbal, que receberá o Rio Ave em paz absoluta. Pelo menos, desportiva. Sandro, um histórico do clube, salvou mais uma vida aos sadinos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG