União da Madeira da I Liga à insolvência em três anos

O Clube de Futebol União da Madeira, que detêm 40% das ações do União da Madeira SAD, foi esta quinta-feira declarado insolvente pelo Tribunal Judicial da Madeira.

O União da Madeira SAD anunciou recentemente um Processo Especial de Revitalização (PER), numa altura em que o administrador responsável pela avaliação revelou que o valor das dívidas da SAD ascende ao montante de quatro milhões de euros. Para 8 de Maio, está agendada uma reunião de credores, para apreciação e reclamação da dívida do clube.

O clube madeirense tinha eleições para a direção agendadas para o passado dia 16 de março, mas, por falta membros da Assembleia-Geral, foi marcada uma nova reunião para 26 de março, durante a qual será nomeada uma comissão de gestão para dirigir o clube, já que, até à data, não surgiu nenhuma lista para liderar um novo ciclo na coletividade.

Filipe Silva, que é o presidente no clube e na SAD, já anunciou que não se recandidatará.

A SAD do União da Madeira participa atualmente na Série B do Campeonato de Portugal, ocupando o 11.º lugar, com 35 pontos, tendo em 2015/2016 disputado a I Liga, tendo descido nessa época.

Exclusivos