Todos as finais e os vencedores da Taça da Liga (com vídeos)

O Benfica tem dominado a prova e já venceu sete dos 11 troféus desde que foi criada a prova em 2007-08. Vit.Setúbal, Sporting, Sp. Braga e Moreirense são as outras equipas que já levantaram a taça. Este ano o troféu voltou a ser conquistado pelos leões.

2007-08 - Vit. Setúbal

A primeira final da Taça da Liga foi jogada no dia 22 de março de 2008 no Estádio do Algarve, em Faro, entre o Sporting e o Vit. Setúbal. Depois de um empate sem golos no fim dos 90 minutos, o Vitória venceu o Sporting nos penáltis (3-2), com o guarda-redes Eduardo a ser o herói dos sadinos, que assim venceram a competição pela primeira vez.

2008-09 - Benfica

Depois de perder a primeira final da Taça da Liga para o Vit. Setúbal, o Sporting voltou à final no ano a seguir, desta vez frente ao eterno rival Benfica. Foi no dia 21 de março de 2009 no Estádio do Algarve, em Faro, que os leões voltaram a deixar fugir a oportunidade de levantar a taça. Perderam nas grande penalidades após um empate 1-1 até ao prolongamento. Quim foi o herói da final ao defender três penáltis. Foi o primeiro de sete troféus ganhos até agora.

2009-10 - Benfica

A 21 de março de 2010 no Estádio do Algarve, em Faro, Benfica e FC Porto mediram forças numa final dominada pelos encarnados, que venceram por 3-0. Rúben Amorim, Carlos Martins e Óscar Cardozo foram os autores dos golos no clássico da terceira final da história da prova.

2010-11 - Benfica

Numa partida jogada no dia 23 de abril de 2011 no Estádio Cidade de Coimbra, o Benfica venceu o Paços Ferreira, por 2-1. Jara adiantou o Benfica e Javi Garcia fez o 2-0, mas o Paços chegaria ao golo de honra num momento infeliz do capitão Luisão, que fez um autogolo. Moreira foi o homem do jogo arbitrado por Pedro Proença, atual presidente da Liga.

2011-12 - Benfica

No Estádio Cidade de Coimbra, a 14 de abril, o Benfica venceu o Gil Vicente, por 2-1, na final e conquistou pela quarta vez consecutiva o troféu. Rodrigo e Saviola marcaram para os encarnados, enquanto o golo dos galos de Barcelos foi marcado por Zé Luís.

2012-13 - Sp. Braga

O Sp. Braga venceu o FC Porto (1-0) na final, que se disputou a 13 de abril no Estádio Cidade de Coimbra, com golo de Alan. A equipa minhota sucedeu assim ao Benfica na galeria de vencedores da prova.

2013-14 - Benfica

O Benfica derrotou o Rio Ave, por 2-0, numa final jogada a 7 de maio de 2014 no Estádio Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria, conquistando assim a sua 5ª Taça da Liga. Rodrigo e Luisão marcaram os golos que deram mais uma taça aos encarnados.

2014-15 - Benfica

O Benfica conquistou a Taça da Liga pela sexta vez, ao vencer o Marítimo, por 2-1, em Coimbra. Jonas adiantou os encarnados, mas João Diogo fez o empate já no segundo tempo. Seria Ola John a fazer o 2-1 final aos 80 minutos e oferecer o sexto troféu ao clube.

2015-16 - Benfica

A 9ª edição da Taça da Liga foi ganha pelo Benfica. A final foi em Coimbra a 20 de maio de 2016 entre Benfica e Marítimo, numa repetição da final da época anterior e com os encarnados a vencer novamente os insulares por 6-2. Foi a 7ª Taça da Liga conquistada pelas águias. Jonas, Mitroglou (2), Gaitán, Jardel e Jiménez fizeram os golos.

2016-17 - Moreirense

A 29 de janeiro de 2017 o Moreirense fez história e conquistou o primeiro grande troféu do seu historial, ao bater o Sp. Braga na final da Taça da Liga (1-0). No Estádio do Algarve, o golo de Cauê, apontado aos 45+2' de grande penalidade, acabou por ser suficiente para o triunfo da equipa de Moreira de Cónegos então treinada por Inácio.

2017-18 - Sporting

O Sporting conquistou a sua primeira Taça da Liga na época passada. O então capitão Rui Patrício levantou o troféu depois da equipa leonina levar a melhor em campo sobre o Vit. Setúbal numa final decidida nos penáltis. Foi uma reedição da primeira final de sempre da prova, ganha pelos sadinos igualmente nas grandes penalidades em 2007-08.

2018-19 - Sporting

Os leões revalidaram o título ao vencer o FC Porto nos penáltis. Em Braga, o Sporting repetiu o que tinha feito no ano anterior. Depois de um empate nos 90 minutos (1-1), a equipa de Marcel Keizer foi melhor do que os dragões nas grandes penalidades (3-1). Foi mais uma final decidida na marca dos 11 metros.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG