Sporting perde Troféu Cinco Violinos pela primeira vez

O Sporting e Empoli, clube recém-promovido à I Liga italiana, empataram a um golo ao cabo dos 90 minutos, mas transalpinos venceram no desempate por grandes penalidades.

Sporting e Empoli empataram este domingo no Estádio José Alvalade a um golo, ao cabo de 90 minutos, em partida de atribuição do Troféu Cinco Violinos, mas o clube recém-promovido à I Liga italiana levou a melhor no desempate por grandes penalidades, vencendo por 5-4.

O emblema transalpino tornou-se o segundo a vencer a prova de pré-época, uma vez que os anfitriões tinham ficado com a taça em 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 e 2017 às custas de Olympiacos, Fiorentina, Lazio, Roma, Wolfsburgo e novamente Fiorentina, respetivamente.

Os leões estiveram melhor durante a primeira parte, mas não conseguiram traduzir essa superioridade em golos. Remates de Bas Dost por cima do alvo (40 e 43 minutos) e de Bruno Fernandes ao poste (44') foram as principais ocasiões de que a turma verde e branca dispôs.

A eficácia acabou por vir ao de cima no início do segundo tempo, através de um remate forte e colocado de Misic que só parou no fundo das redes, aos 51 minutos.

A vantagem não chegaria a durar duas dezenas de minutos, pois La Gumina bateu Viviano através de um remate cruzado (69'), assistido por um passe de calcanhar de Traoré. Aos 72', Mathieu impediu a reviravolta com um corte providencial sobre a linha de baliza.

O Sporting reagiu na reta final do desafio, com um cabeceamento de Battaglia a desviar num defesa e a ser defendido pelo guarda-redes adversário para a trave (81'). No entanto, o empate persistiu e a decisão foi adiada para o desempate por grandes penalidades.

Desempate por grandes penalidades:

- Mathieu converte (1-0)

- Krunic atira por cima

- Montero faz golo (2-0)

- Mráz reduz para o Empoli (2-1)

- Battaglia faz o terceiro para os leões (3-1)

- Traoré transforma em golo (3-2)

- Matheus Pereira permite defesa do guarda-redes para a trave

- Capezzi empata (3-3)

- Raphinha engana guarda-redes (4-3)

- Caputo volta a empatar (4-4)

- Jefferson permite defesa de Provedel no primeiro penálti da morte súbita

- Rasmunssen converte (4-5)

Eis o onze escolhido por José Peseiro: Viviano; Ristovski (Bruno Gaspar, 66'), Coates (André Pinto 84'), Mathieu e Jefferson; Battaglia e Misic (Wendel, 66'); Nani (Matheus Pereira, 66'), Bruno Fernandes (Carlos Mané, 84') e Acuña (Raphinha, 66'); Bas Dost (Montero, 84').

Empoli: Terracciano; Di Lorenzo, Veseli, Maietta, Pasqual; Bennacer, Rasmussen, Traore; Zajc; Caputo La Gumina.

18.351 espectadores assistiram ao encontro em Alvalade.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG