Segundo ouro para Portugal. Fu Yu vence no ténis de mesa

Mesatenista portuguesa bateu a alemã Ying Han na final do torneio feminino dos Jogos Europeus de Minsk 2019.

Fu Yu, de 40 anos, conquistou esta quarta-feira a segunda medalha de ouro para Portugal nos Jogos Europeus que estão a realizar-se em Minsk, na Bielorrússia, juntando-se a Carlos Nascimento, que reinou na prova de 100 metros. A mesatenista portuguesa bateu na final a alemã Ying Han por 4-2, tendo vencido os dois primeiros sets (11-5 e 11-8), o quinto (11-6) e o sexto (11-7) e perdido o terceiro (9-11) e o quarto (9-11).

A luso-chinesa melhorou muito o desempenho nos Jogos de há quatro anos, em Baku, onde não foi além do 17.º lugar.

"Não sei o que dizer, não tenho palavras, estou muito contente. (...) De manhã estava mais focada e contente com o apuramento, agora veio o ouro. (...) Não estava nada à espera deste resultado", admitiu Fu Yu após conquistar o ouro, revelando que "não há segredos" para a vitória.

Nascida em Hebei, na China, em 1978, começou a jogar ténis de mesa no país natal com apenas sete anos, tendo deixado o país em 1998 para competir em Espanha, antes de rumar a Portugal em 2001, para representar o Estreito, da Madeira. Desde então que vive em Portugal, onde casou e criou família, naturalizando-se em agosto de 2013.

Fu Yu, atualmente ao serviço dos franceses do Metz TT, tornou-se a primeira mesatenista portuguesa a conquistar uma medalha internacional, nos Europeus realizados em Scwechat, na Áustria. Depois de ter ganhado o bronze no Campeonato da Europa de 2015, representou as cores nacionais nos Jogos Olímpicos 2016, no Rio de Janeiro, onde se classificou em 33.º lugar, entre 70 participantes.

Exclusivos

Premium

Livro

Antes delas... ninguém: mulheres que desafiaram o domínio masculino

As Primeiras - Pioneiras Portuguesas num Mundo de Homens é o livro com as biografias de 59 mulheres que se atreveram a entrar nas profissões só de homens. O DN desvenda-lhe aqui oito dessas histórias, da barrista Rosa Ramalho à calceteira Lurdes Baptista ou às 'Seis Marias' enfermeiras-paraqueditas, entre outras