Portugal candidata-se a receber Mundial de ténis de mesa de 2022

Portugal é um entre dez países interessados em organizar a competição. Prazo para entrega de candidaturas prolonga-se até final de 2018.

Portugal foi um dos dez países que manifestaram interesse em organizar a fase final do Campeonato do Mundo de ténis de mesa de 2022, anunciou esta terça-feira a Federação Internacional da modalidade, em comunicado.

Além de Portugal, manifestaram também interesse em acolher a competição Alemanha, Chile, China, Espanha, Japão, Marrocos, Porto Rico, Roménia e Tunísia.

Alemanha, Chile, Marrocos, Porto Rico e Tunísia, para além de terem manifestado interesse na edição de 2022, também estão na lista para receber a edição de 2021, à qual se juntam Austrália, Estados Unidos e Qatar.

O prazo para a entrega das candidaturas oficiais prolonga-se até ao final de 2018, com a decisão final a ser anunciada em abril de 2019.

Portugal já recebeu o Campeonato da Europa por equipas, que se realizou em Lisboa, em 2014, no qual se sagrou campeão pela primeira vez, ao vencer a seleção da Alemanha na final.

Exclusivos