Os dois youtubers que levaram a rivalidade para o ringue de boxe

KSI e Logan Paul têm juntos 40 milhões de subscritores no Youtube e são adversários assumidos. Desde o ano passado que essa luta se trava nos ringues. KSI venceu o último combate, neste domingo, em LA. Mas será que esta guerra fica por aqui?

Os dois juntos têm cerca de 40 milhões de seguidores no Youtube. Quarenta milhões! Mais ou menos 20 milhões cada um. Não é, portanto, de espantar que sejam rivais. Uma contenda que já ultrapassou os insultos na internet e a que dão largas no ringue de boxe. KSI e Logan Paul, os dois dois youtubers com mais subscritores do mundo, voltaram na madrugada deste domingo a calçar as luvas e a defrontarem-se num combate assistido online por milhões de fãs.

O segundo combate entre os youtubers KSI e Logan Paul realizou-se desta vez em Los Angeles, no Staples Center, a "casa" dos LA Lakers, - KSI venceu a luta, mas Logan fez questão de dizer que não concordava com a decisão dos juízes. Por isso, apressou-se a falar numa terceira rodada. KSI não mostrou muito interesse e respondeu: "Está feito!"

O cantor Justin Bieber, que fazia parte dos apoiantes de Logan Paul no Staples Center, discordou decisão e disse-o de viva voz: "Logan foi o melhor lutador. Ponto."

A disputa entre os dois youtubers - que entretanto se tornaram boxeurs profissionais - foi desde logo um êxito ao esgotar os 21 mil lugares do estádio. E estima-se que milhões o tenham seguido pela internet, em formato pay-per-view ou em plataformas piratas.

A primeira vez que os dois youtubers se defrontaram no ringue foi em agosto de 2018, no Manchester Arena, no Reino Unido. Nessa altura foi considerado "O Maior Evento da História da Internet". Também nessa altura, a assistência teve contornos planetários. Tudo o que tem a ver com os dois gera à volta de milhões, seja subscritores, dinheiro ou assistência aos combates.

Quase um milhão de pessoas pagou nove dólares (cerca de oito euros) para assistir ao combate de Manchester no Youtube e mais de um milhão pirateou o vídeo em direto. Os resultados financeiros foram um sucesso, mas os dois acabaram a luta empatados, daí terem sentido a necessidade de uma desforra.

Quem são dos dois rivais?

KSI chama-se William Olajide e tem 26 anos. Nasceu em Watford, uma cidade a noroeste de Londres. Além de youtuber, é também rapper e ator. Trata-se de uma figura controversa e, em 2015, foi acusado por grupos de mulheres de humilhar vítimas de violência sexual e difundir opiniões misóginas.

Logan Paul, de 24 anos, nasceu nos Estados Unidos e vive em Los Angeles. Alcançou a fama planetária ao colocar vídeos na plataforma Vine, antes de se focar no Youtube. O irmão, Jake Paul, também é um youtuber famoso.

Em 2017, Paul foi bastante criticado por postar um vídeo em que mostrava um cadáver na "floresta suicida" do Japão e sobre o qual fazia piadas.

Cada um destes youtubers tem cerca de 20 milhões de seguidores no Youtube. Os dois sabem como alimentar as expectativas dos fãs e têm feito por isso, provocando-se mutuamente nas redes sociais, com comentários jocosos.

Este fenómeno que envolve os dois youtubers que decidiram digladiar-se no ringue tem provocado muitas reações. Mas até quem estava cético deu o braço a torcer. É o caso do especialista em boxe da BBC, Steve Bunce. "Se pelo menos 10% dos seguidores vê a luta, são quatro milhões de novos pares de olhos neste desporto. Mesmo que se só considerarmos 1%, continua a ser um número enorme."

Do outro lado da barricada há quem critique e considere que não podem ser considerados combates profissionais: "Isto não é verdadeiramente é boxe. São dois jovens com problemas entre eles que usam o boxe para resolvê-los", considera Jaime Morre, ex-boxeur britânico citado pela BBC.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG